Seleção Feminina goleia Venezuela na Copa América

    Com três vitórias, equipe do técnico Vadão se classificou antecipadamente para o quadrangular final do campeonato

    Jogadoras da seleção se abraçam em comemoração do gol
    Mônica, Bia Zaneratto (2) e Marta marcaram os quatro gols do Brasil - Foto: CBF/Divulgação

    A Seleção Brasileira Feminina está com 100% de aproveitamento na Copa América do Chile: venceu a Argentina por 3 a 1 e goleou o Equador e a Venezuela por 8 a 0 e 4 a 0, respectivamente. Com as três vitórias, a equipe do técnico Vadão se classificou antecipadamente para o quadrangular final do campeonato.

    Os adversários da fase final ainda não estão definidos, serão conhecidos nas últimas rodadas. Pelo Grupo A, a Colômbia lidera com 10 pontos e não entra mais em campo, o Chile tem cinco e o Paraguai quatro. No Grupo B, do Brasil, a segunda vaga será conhecida após o confronto entre Argentina e Venezuela nesta sexta-feira (13/4).

    Nesta sexta-feira (13/4), mesmo já classificada, a Seleção Brasileira volta a campo para enfrentar a Bolívia, às 19h, no Estádio Sanchez Rumoroso, em Coquimbo, no Chile. A Copa América 2018 é classificatória para a Copa do Mundo da França de 2019 e para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

    O jogo
    Publicidade

    A Seleção Brasileira fez valer a qualidade técnica para fugir da marcação adiantada da Venezuela e dominar as ações da partida. Apostando no toque de bola, o Brasil envolveu as adversárias e criou oportunidades claras logo nos primeiros minutos. Aos quatro, em boa trama coletiva pela esquerda, Cristiane tocou para Marta, que rolou para Andressinha finalizar por cima. Com a superioridade brasileira, o gol não demorou para sair. Aos 10, Marta cruzou, Cristiane ajeitou para Mônica completar para o fundo das redes: 1 a 0. Aos 15, a Venezuela tentou responder em jogada aérea, mas o desvio passou à direita da baliza de Bárbara. O segundo gol brasileiro saiu no final do primeiro tempo. Após lançamento longo de Tamires, Bia Zaneratto mostrou frieza e tocou na saída da goleira.

    Na etapa final, a Seleção Brasileira manteve o bom volume de jogo. Aos 27 minutos Debinha invadiu a área e cruzou para Bia Zaneratto marcar novamente, 3 a 0. Aos 40, Marta deixou o dela e fechou a goleada: 4 a 0.

    A escalação brasileira: Bárbara; Rilany, Mônica, Rafaelle, e Tamires (Poliana); Formiga, Andressinha, Marta e Thaisinha (Debinha); Cristiane (Andressa Alves) e Bia. Técnico: Vadão.

    Publicidade