Categories: Florianópolis

84% das ligações à rede de esgoto de Coqueiros estão irregulares

A maioria da rede de esgoto de Coqueiros, bairro continental de Florianópolis, está irregular. É o que aponta relatório da prefeitura em relação às inspeções feitas pelo programa Floripa se Liga na Rede, para regularizar as ligações sanitárias.

Com os trabalhos reiniciados em dezembro, o programa de fiscalização completou, na primeira semana de fevereiro, 314 inspeções realizadas e 1 mil comunicados, solicitando o agendamento da vistoria em casas, condomínios e comércios no bairro de Coqueiros.

Apenas 24 imóveis já encontravam-se regulares na primeira visita e, dentre os 30 retornos marcados, 23 se regularizaram. Assim, em um universo de 284 imóveis inspecionados – descontadas as segundas inspeções –, o primeiro balanço do programa indica 84% de propriedades de Coqueiros com algum tipo de irregularidade nas ligações de esgoto. A taxa tende a diminuir com o tempo, à medida que os moradores vão se regularizando.

Principais irregularidades

“O problema mais comum encontrado pelas nossas equipes, e que resulta neste grande volume de imóveis considerados irregulares, é ausência de caixa de gordura”, afirma Luan Casanova, engenheiro sanitarista responsável pelo programa. “Todos os pontos geradores de resíduos com gordura, como pias de cozinha e churrasqueiras, devem ser conectados a uma caixa de gordura, e o tamanho dela precisa ser proporcional à quantidade produzida”.

Além da ausência, o subdimensionamento do dispositivo – quando é menor do que a produção de resíduos gordurosos na residência ou no comércio exige – é outra irregularidade comum detectada pelas inspeções do Se Liga Na Rede. Gordura lançada diretamente no esgoto entope a rede pública, causando vazamentos na rua e na calçada.

O volume alto de imóveis irregulares, avalia Luan Casanova, tem relação direta com o método de trabalho do Floripa Se Liga Na Rede. O programa realiza testes com corante em cada ponto hidráulico, fazendo um pente-fino das ligações sanitárias; um edifício de grande porte, por exemplo, tem mais de cem pontos testados em uma única inspeção. Com esse nível de detalhamento, é possível detectar irregularidades que passam ao largo das fiscalizações, focadas em problemas mais graves.

Método descobre as diversas ligações irregulares de esgoto à rede pluvial e que acabam poluindo o mar – Tito Pereira/PMF/Divulgação/CSC

“Ainda assim, embora minoritários, encontramos quase que diariamente imóveis com algum ponto de geração de esgoto conectado à rede de drenagem pluvial, o que é considerado crime ambiental”, ressalta o engenheiro sanitarista. “É uma contribuição que vai acabar atingindo mar, rios e baías de Florianópolis”.

Concluída a inspeção, se o imóvel é considerado irregular, o responsável recebe um documento indicando o que precisa ser corrigido e o respectivo prazo para regularização: de 30 dias, para problemas mais simples, e mais duas semanas em casos de esgoto na rede pluvial.

Periodicamente, o Floripa Se Liga Na Rede repassa informações aos órgãos de fiscalização com a lista de imóveis que não agendaram inspeção ou que, vistoriados e irregulares, não se regularizaram no prazo.

Locais de regularização da rede sanitária

O Floripa Se Liga Na Rede é um programa da Prefeitura Municipal de Florianópolis, realizado em parceria com a Casan e executado pela Echoa Engenharia, que busca promover a correta ligação dos imóveis da cidade à rede coletora de esgoto, atendendo bairros específicos por vez. Atualmente, o Floripa Se Liga Na Rede encontra-se com as equipes divididas entre o Centro e Coqueiros.

Administrador

Recent Posts

Alesc pede prioridade de vacinação aos profissionais da educação especial

O parlamento catarinense aprovou nesta quinta-feira (16/4) a indicação apresentada pelo deputado estadual Dr. Vicente…

58 minutos ago

Quilombolas da comunidade Vidal Martins começam a ser vacinados em Florianópolis

A vacinação contra a Covid-19 dos quilombolas da comunidade Vidal Martins, em Florianópolis, teve início…

1 hora ago

Bar no Centro de Florianópolis é interditado por tentar enganar fiscalização

O bar Lontra, localizado no Centro de Florianópolis, foi interditado pela prefeitura neste sábado (17/4)…

1 hora ago

Com estoques baixos, bancos de leite materno pedem mais doações

Com a pandemia de Covid-19, alguns bancos de leite materno de Santa Catarina registraram queda…

1 hora ago

Vacinação em idosos de 64 anos tem início em Palhoça

A prefeitura de Palhoça, por meio da Secretaria de Saúde, inicia neste sábado (17/4) a…

1 hora ago

Estelionatário do golpe do “dinheiro preto” é preso em São José

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC), prendeu nesta sexta-feira (16/4)…

3 horas ago