Brasil termina os Jogos Paralímpicos de Tóquio com recorde de ouros

    As disputas dos Jogos Paralímpicos de Tóquio acabaram no início da madrugada deste domingo (5/9) e o Brasil se despediu com 72 medalhas – 22 de ouro, 20 de prata e 30 de bronze –, terminando na sétima colocação geral. Trata-se da melhor participação brasileira na história dos Jogos Paralímpicos.

    Carol Santiago exibe suas medalhas conquistadas no Centro Aquático de Tóquio
    Carol Santiago conquistou cinco medalhas na natação classe S12 (para atletas com baixa visão) – Alê Cabral/CPB

    A delegação brasileira foi composta por 259 atletas (incluindo atletas-guia, calheiros, goleiros e timoneiro), além de comissão técnica, médica e administrativa, totalizando 435 pessoas. Dos atletas com deficiência, 68 eram das chamadas “classes baixas” (com deficiência severa). Foram 42 homens e 26 mulheres. Trinta e nove participantes tinham menos de 23 anos, cerca de 17% do total da equipe nacional paralímpica.

    Em nenhuma outra edição a missão brasileira havia conquistado tantas medalhas de ouro. As 22 láureas obtidas na capital japonesa superaram as 21 de Londres 2012. No número total de pódios, o Brasil igualou a marca alcançada no Rio 2016. Foram 72 medalhas no Japão, tal qual nos Jogos Paralímpicos disputados em solo brasileiro, há cinco anos.

    Jogadores brasileiros do futebol de 5 exibem orgulhosos a medalha de ouro conquistada nas Paralimpíadas de Tóquio
    Jogadores brasileiros do futebol de 5 exibem orgulhosos a medalha de ouro conquistada em Tóquio – Alê Cabral/CPB
    Publicidade

    Tais recordes foram puxados pela natação, que obteve o seu melhor desempenho em toda a história dos Jogos, com 23 medalhas (oito de ouro, cinco de prata e dez de bronze). O atletismo foi a modalidade que mais garantiu medalhas ao Brasil em Tóquio: 28 (oito de ouro, nove de prata e 11 de bronze).

    Quadro final das Paralimpíadas de Tóquio

    País

    Ouro Prata Bronze Total
    1 China 96 60 51 207
    2 Grã-Bretanha 41 38 45 124
    3 – Estados Unidos 37 36 31 104
    4 – Comitê Paralímpico Russo 36 33 49 118
    5 – Países Baixos 25 17 17 59
    6 – Ucrânia 24 47 27 98
    7 – Brasil 22 20 30 72
    8 – Austrália 21 29 30 80
    9 – Itália 14 29 26 69
    10 – Azerbaijão 14 1 4 19

    + Brasil nas Olipíadas de Tóquio

    Com informações do CPB

    Publicidade