Distribuição de absorventes na rede de ensino estadual

    Estudos apontam que no Brasil, uma a cada quatro meninas já deixou de ir à escola por falta destes itens. Foto: Mauricio Vieira/Secom/Divulgação

    O Governo de Santa Catarina publicou na última semana o decreto que autoriza a distribuição de absorventes para estudantes da rede estadual. A iniciativa faz parte do programa Gente Catarina e tem como objetivo combater a pobreza menstrual nas escolas.

    A estimativa inicial do governo é atender 60 mil estudantes em maior situação de vulnerabilidade e que, por passarem pelos ciclos menstruais, por vezes acabam faltando na escola sem ter as condições de higiene adequadas.

    A distribuição do item será destinada às alunas da rede estadual, com idade mínima de 10 anos e cujas famílias estejam inscritas no Cadúnico. Cada adolescente terá direito a dois pacotes com oito absorventes por mês durante o ano letivo.

    Publicidade