Escorpiões amarelos são encontrados na Cachoeira do Bom Jesus

A Prefeitura de Florianópolis, por meio do Centro de Controle de Zoonoses, encontrou escorpiões amarelos na Cachoeira do Bom Jesus, no Norte da Ilha, em fiscalização na noite desta quinta-feira (4/11).

Escorpiões amarelos são encontrados na Cachoeira do Bom Jesus
Fiscais do controle de zoonoses buscam pelos escorpiões à noite – PMF/Reprodução/CSC

O Centro de Controle de Zoonoses faz buscas ativas em lugares com relatos de encontro do escorpião. Ele faz parte do gênero Tityus sp e as equipes técnicas analisam residências, depósitos, caixas de passagem, caixas de gordura ou outros locais que possam servir de abrigo à espécie.

Durante a fiscalização, os responsáveis pelos locais são orientados pelas equipes. Aqueles que não atendem as orientações, podem receber multas de até 2.500 reais, diz a prefeitura. As adoções de medidas de controle são fundamentais para evitar o aumento da área de infestação.

Publicidade

A administração municipal também argumenta que a população deve manter cuidados para evitar a proliferação do escorpião amarelo pela cidade, como evitar depósitos de materiais ou equipamentos, ou limpá-los frequentemente são algumas formas de prevenção.

O escorpião é um animal originalmente de mata, mas se adaptou ao meio urbano devido à ocupação humana, que vem invadindo hábitats naturais dos escorpiões e facilitando a disponibilidade de abrigo em terrenos baldios com acúmulo de entulho e lixo, e de alimento em abundância, como baratas (seu principal alimento). Alterações climáticas, por sua vez, têm elevado a temperatura favorecendo uma maior atividade e reprodução desses animais e, em particular, do Tityus serrulatus, por sua característica partenogenética (não precisa do macho para reprodução, ou seja, a fêmea se reproduz sozinha).

Publicidade