montagem em desenho mostrando silhueta de um homem de terno gritando com um balão em branco ao lado

As campanhas dos candidatos já começaram, não estão empolgando, e junto uma infinidade de promessas para o pobre do eleitor. Algumas são inacreditáveis, outras impraticáveis, e outras mais que não dependem apenas de futuros governadores e até mesmo do futuro presidente para serem executadas. Essas promessas que aparecem de quatro em quatro anos são como as fake News: tudo mentira.

Outro desastre

Mais um péssimo resultado da era Milton Cruz dentro do Orlando Scarpelli. O Figueirense enfrentou o CSA dentro de casa e perdeu por 2 a 1. Foi um jogo onde aconteceu de tudo e o alvinegro perdeu a chance de se firmar na briga pelo G-4 desta segundona brasileira. Os mais de cinco mil torcedores viram o time sair na frente, tomar o gol de empate e ainda puderam presenciar o bom goleiro Denis falhar de forma bisonha no gol que definiu a vitória para o time alagoano. Foi mais uma derrota para o complicado time alvinegro quando joga em casa.

Amistosos bizarros

Depois do vexame na Copa do Mundo na Rússia, a seleção brasileira voltou à campo para enfrentar duas seleções fraquinhas: EUA e El Salvador. Se haviam dúvidas quanto a validade destes amistosos, todas desapareceram. Realmente são amistosos sem validade alguma, servem apenas para os esquemas da CBF nas vendas dos jogos de nossa seleção. Acredito que bem poucos brasileiros se propuseram a assistir esses amistosos bizarros. Esses jogos não serviram pra nada. Pra quem comprou e vendeu o negócio foi bom.

Complicado
Publicidade

Está ficando cada vez mais complicado Santa Catarina emplacar algum clube na elite do futebol brasileiro em 2019. Avaí, Figueirense e Criciúma, que brigam por um lugarzinho no G-4, ainda não se garantiram. A Chapecoense, nosso único clube na Série A, começa a despencar pela tabela e hoje já ocupa a posição de vice lanterna na competição. Ainda tem muitos pontos para serem conquistados pela frente, mas do jeito que a carruagem anda, a coisa tá feia.

Na terra de Jesus

Como diria o manezinho: “Esse Avaí faz coisa”. O Leão foi até Belém ainda no G-4 para enfrentar o Paysandu e voltou pra casa fora da zona de classificação. Para o Papão a vitória por 2 a 1 foi um alívio já que o time estava numa longa sequência de resultados negativos. Num jogo onde o sistema defensivo do time azurra falhou demais, o time paraense aproveitou-se das falhas para vencer, coisa que não acontecia havia sete rodadas. Foi uma noite ruim na terra de Jesus.

Um sai, o outro retorna

Milton Cruz foi contratado em agosto de 2017. De lá pra cá o treinador safou o Alvinegro da degola da série B e conquistou o título do Catarinão de 2018. Com os últimos resultados negativos, principalmente dentro de casa, Cruz não é mais técnico do Figueirense. Ele sofria com a pressão da torcida e não resistiu à derrota por 2 a 1 diante do CSA, no Scarpelli. Se um sai, o outro retorna. Em poucas horas sem comandante, o Figueirense optou pelo retorno de Rogério Micale, que tem história no clube Alvinegro.

mãe e pai seguram a menina no colo para posar para foto e todos sorriem
Para a alegria dos pais Gabriela e Eduardo, quem andou completando seu primeiro aninho nesta quarta-feira (12/9) foi a linda Valentina da Praia de Fora. A coluna deseja muita saúde – Foto: Divulgação
Drops da arquibancada

– Em sessenta e oito jogos sob o comando de Milton Cruz o time conquistou 31 vitórias, 21 empates e 16 derrotas, cerca de 56% de aproveitamento.

-O problema do Figueirense não está no comando técnico. O principal problema do atual campeão catarinense está na parte financeira. Esse é o maior incômodo.

– O Avaí firmou uma nova parceria que irá entrar na história do clube. Trata-se da ICO, uma moeda virtual que terá início em 3/10, quando o torcedor azurra poderá adquirir o Avaí Token.

– O Figueirense irá enfrentar o São Bento neste sábado (15/9). Sem ser aproveitado com o antigo treinador, quem sabe com Rogério Micale André Santos possa estrear.

– Criciúma e Avaí irão se enfrentar neste sábado no Heriberto Hulse. Um confronto catarinense recheado de histórias. Foram 189 duelos entre os dois clubes.

Cartão rosa/vermelho

Cartão rosa para todos os árbitros esportivos de Palhoça e todo o Brasil que comemoraram o seu dia na última terça-feira (11/9) e a mídia esportiva deixou passar em branco. O dia 11 de Setembro é consagrado para homenagear uma categoria que faz cumprir as regras, o regulamento e o espírito do jogo.

Cartão vermelho para estes irresponsáveis que invadem as redes sociais de outras pessoas com xingamentos e até mesmo ameaças de agressões físicas para defenderem seus candidatos nestas eleições. Como se os candidatos destes mal-educados depois de eleitos irão procurá-los. Não brigue com seu “amiguinho” por ter opinião diferente.

Pensamento do Bambi

Se no Brasil tem corrupção, mas não tem educação, saúde e segurança, a culpa maior é de um só. A culpa é sua que não sabe votar.

Publicidade
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here