Festival de teatro Isnard Azevedo começa nesta sexta, em Florianópolis

    Serão 21 apresentações gratuitas, reunindo cerca de 100 artistas

    adeus palhacos mortos festival isnard azevedo florianopolis
    Peça ‘Adeus, Palhaços Mortos’ abre a mostra do Floripa Teatro – 24º Festival Isnard Azevedo, na próxima sexta-feira (20/9) - Divulgação/CSC

    O espetáculo convidado ‘Adeus, Palhaços Mortos’, de São Paulo, vai abrir a Mostra Oficial do Floripa Teatro – 24º Festival Isnard Azevedo na próxima sexta-feira (20/9), com duas sessões, às 19h e 21h, no Teatro Álvaro de Carvalho. Até 29 de setembro serão 21 apresentações desta etapa do evento, reunindo aproximadamente 100 artistas.

    A peça de abertura é um drama sobre artistas circenses que se reencontram de forma acidental, anos depois, em um teste numa agência de empregos e do qual eles sabem que somente um vai ser o escolhido. Depois das sessões, serão realizados debates de 30 minutos. A classificação etária é 12 anos.

    Entre os espetáculos confirmados está o ‘Quando eu morrer vou contar tudo a Deus’, do O Bonde, de São Paulo. A peça é baseada na história real de Abou, menino africano encontrado dentro de uma mala tentando entrar na Europa e que enfrenta as dificuldades com criatividade e coragem. A classificação é a partir de 5 anos.

    Publicidade

    Outro destaque é a peça ‘Provisoriamente não cantaremos o amor’, da Traço Cia. de Teatro, de Florianópolis, uma comédia que fala de três palhaços que decidem fazer o mundo girar, tratando de temas como necessidade de mudança e medo. A classificação etária é 12 anos.

    A entrada para todos os espetáculos é gratuita. Os ingressos devem ser retirados com uma hora de antecedência, na bilheteria local. A programação completa pode ser acessada no site do festival.

    Publicidade