montagem com as fotos de merisio e comandante moises
Merisio teve 31,12% dos votos válidos e Moisés 29,74% - Fotos: Divulgação

O primeiro turno das eleições em Santa Catarina teve uma grande surpresa. Cotado em primeiro lugar nas pesquisas, Mauro Mariani (MDB) ficou em terceiro na apuração final. Gelson Merisio (PSD) e Comandante Moisés (PSL) disputarão o segundo turno para governador.

Com 100% das urnas apuradas às 20h57, o resultado mostrou que o candidato do PSL se beneficiou com a tendência nacional de votos aos candidatos do partido de Jair Bolsonaro. É a primeira vez que Moisés disputa um cargo eleitoral.

Merisio teve 31,12% dos votos válidos, seguido de Comandante Moisés, com 29,74%. Foram 3.601.831 (84,99%) de votos válidos em Santa Catarina, com 16,31%, cerca de 826 mil votos de abstenção. Confira os números finais para o primeiro turno em Santa Catarina.

Resultado primeiro turno
Candidato Partido Votos Válidos
Gelson Merisio PSD 1.121.869 31,12%
Comandante Moisés PSL 1.071.406 29,72%
Mauro Mariani MDB 836.844 23,21%
Décio Lima PT 460.889 12,78%
Leonel Camasão PSOL 72.133 2,00%
Portanova REDE 18.710 0,52%
Jesse Pereira PATRI 13.472 0,37%
Ingrid Assis PSTU 9.944 0,28%
Brancos 260.484 6,14%
Nulos 375.916 8,87%
Abstenção 826.754 16,31%
Comparecimento 4.241.667 83,69%
TOTAL 5.068.421 100,00%
Publicidade

Santa Catarina foi o estado onde Bolsonaro conseguiu a maior porcentagem de votos, com 65%. Sua legenda inclusive carregou diversos nomes inéditos aos cargos de deputado federal e estadual, elegendo 4 deputados federais e 6 estaduais.

O candidato do partido ao senado também ficou próximo, em terceiro lugar. Eleitos por Santa Catarina ao Senado Federal foram Espiridião Amin (PP) e Jorginho Mello (PR), com 18,77% e 18,07% dos votos válidos, respectivamente. O ex-governador Raimundo Colombo (PSD) ficou em quarto lugar, com 15,30%.

Resultado ao Senado
Candidato Partido Votos Válidos
Espiridião Amin (E) PP 1.226.064 18,77%
Jorginho Mello (E) PR 1179757 18,07%
Lucas Esmeraldino PSL 1161662 17,79%
Raimundo Colombo PSD 999.043 15,30%
Paulo Bauer PSDB 802.037 12,28%
Ideli Salvatti PT 336.449 5,15%
Lédio Rosa PT 327.226 5,01%
Roberto Salum PMN 246.686 3,78%
Miriam Prochnow REDE 84.486 1,29%
Professor Cabral PSOL 63.523 0,97%
Professor Antonio PSOL 51.191 0,78%
Diego Mezzogiorno REDE 38.470 0,59%
Ricardo Lautert PSTU 13.845 0,21%
Votação tranquila

O balanço da operação que mobilizou efetivos das forças de segurança municipais, estaduais e federais para a votação em Santa Catarina foi considerado positivo e sem graves ocorrências no Estado. Na tarde deste domingo (7/10) assim que as urnas foram fechadas, as autoridades representantes das instituições que compõem o grupo de segurança ativado na sede da Defesa Civil catarinense, comentaram as ocorrências e os encaminhamentos realizados.

O secretário de Estado da Segurança Pública, Alceu de Oliveira Pinto Júnior, que coordenou a operação em Santa Catarina, destacou a força de trabalho empregada no esquema de segurança. Ao todo, atuaram cerca de 184 policiais civis, quase dez mil policiais militares, 79 policiais rodoviários federais,  e mais de 140 guardas municipais. “Não registramos nenhuma ocorrência de grande monta, ou que não fosse prontamente atendida pelos efetivos atuantes nos locais de votação”, frisou.

Das 82 ocorrências, as duas que mais chamaram a atenção foi uma no Sul de Santa Catarina, onde um eleitor danificou uma urna eletrônica e a denúncia de boca de urna contra um prefeito da Grande Florianópolis.

Publicidade
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here