Lojas que vendem chocolate poderão reabrir em SC, incluindo grandes redes

Governo também estuda reabrir atividades de profissionais liberais, consultórios de saúde e clínicas

0

Com a proximidade da páscoa (12/4), as lojas com acesso direto à rua que vendem chocolate em Santa Catarina poderão reabrir nesta semana, a partir da segunda-feira (6/4). Estão inclusas não apenas as pequenas bomboniéres, mas lojas de grandes redes de departamentos também entraram na “brecha”.

Em comunicado, a Fcdl (Federação Catarinense de Dirigentes Lojistas) diz que “as mesmas se enquadram naquelas que comercializam gêneros alimentícios e portanto autorizadas a funcionar, obedecendo os procolos de segurança em saúde”.

Uma das preocupações dos comerciantes seria também o prazo de validade dos produtos de chocolate. Algumas lojas, como a Havan, prometem vender os chocolates e ovos de páscoa a preço de custo, o que deverá causar grandes aglomerações.

Possíveis aglomerações
Publicidade

A própria Fcdl já manifestou preocupação com outras atividades reabertas, como lotéricas e bancos, em que as pessoas se aglomeraram na parte externa, ignorando as recomendações de saúde. Não deverá ser diferente nas lojas que costumam atrair grande público.

Em muitos estabelecimentos há, inclusive, a proibição do uso de equipamentos de segurança por parte de funcionários para “não causar pânico”. É o que ocorre em diversas redes de supermercado em todo o estado, em que atendentes de caixa, por exemplo, não tem o direito de se proteger, mesmo trazendo máscaras de casa.

Outras reaberturas

De acordo com o governador, Carlos Moisés, nesse final de semana o grupo de reabertura discutirá uma possível volta dos trabalhos para profissionais liberais, consultórios de saúde e clínicas também a partir de segunda-feira. O governo deve fazer mais anúncios nas próximas horas.

+ SC tem mais de 300 casos de coronavírus e cinco mortes

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here