Moradores do bairro Areias registram presença de cachorro do mato

O animal silvestre aparece esporadicamente em áreas urbanas principalmente após períodos de chuva

Um cachorro do mato apareceu no bairro Areias, em São José, nesta quarta-feira (10/2). Os moradores registraram a presença do animal, que teria sido visto algumas vezes e desaparecido depois, em um matagal próximo à rua Maria Elizabete Marques de Matos.

cacCachorro do mato deitado em área com terra e árvores em volta, no bairro Areias em São José
O animal silvestre aparece esporadicamente em áreas urbanas, principalmente se estão próximas a fragmentos florestais – Divulgação/CSC

A aparição desses animais em áreas urbanas não é incomum. O superintendente adjunto da Fundação Municipal do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de São José (Fmads), Agostinho Mignoni Júnior, explica que a presença de cachorro do mato em áreas residenciais e perto de rodovias são frequentes depois das chuvas. “Quando passamos por períodos chuvosos eles vêm atrás de comida, animais mortos à beira de estrada, por exemplo”. 

A superintendente da Fmads, Gabriela dos Anjos, complementa que o cachorro do mato, também chamado de graxaim, é um animal silvestre que esporadicamente pode aparecer em áreas mais urbanas, principalmente se estão próximas a fragmentos florestais. O ideal, segundo ela, é deixar o animal voltar para seu ambiente sem tentar aproximação.

Publicidade

O resgate, tratamento e manejo de animais silvestres é de competência do Ibama. Nos casos em que o animal está machucado ou em área em que pode sofrer ou apresentar riscos, a Polícia Militar Ambiental e o Instituto do Meio Ambiente (IMA) possuem serviço específico e área de acolhimento para tratamento. Esses órgãos junto aos bombeiros também atendem ocorrências de aparecimento de animais peçonhentos em casa.

Por Ana Ritti – redacao@correiosc.com.br

Publicidade