Prefeitura de Biguaçu realiza mutirão para análise de alvarás represados

pilhas de processos parados sobre mesa que serão trabalhados em mutirão na prefeitura de biguaçu
Entre 22 e 26 de fevereiro não haverá atendimento presencial; equipe estará envolvida na análise de documentos e processos na Seplan - Paulo Rodrigo Ferreira/PMB/Divulgação/CSC

A Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão Participativa (Seplan) de Biguaçu vai realizar, de 22 a 26 de fevereiro, um mutirão para averiguação de processos que aguardam análise e aprovação. Nesse período, todos os profissionais que atuam na pasta estarão envolvidos na apreciação dos processos e documentos. Por isso, não haverá atendimento presencial na Seplan.

A Secretaria de Planejamento é responsável pela análise e aprovação de processos de construção, reformas, obras públicas e privadas, liberação de alvarás e licenciamentos. O volume de processos represados, sem análise ou sem contato com os requerentes é muito grande e requer uma força tarefa.

“Desde que assumimos a Secretaria estamos trabalhando para diminuir o número de processos que estavam parados. Tentamos identificar o motivo, mas devido a troca do sistema, iniciada na administração anterior, muitas informações ficaram inacessíveis. Alguns processos faltam coisas simples para serem liberados, mas infelizmente nem contato com os contribuintes estavam fazendo”, comenta o secretário Ederson Kremer de Souza.

Publicidade

De acordo com a prefeitura, existem 231 processos físicos e 90 processos on-line na Seplan para serem analisados. Embora não ocorra atendimento presencial nesse período, os técnicos estarão entrando em contato com os requerentes a fim de prestar ou coletar informações necessárias para a tramitação dos documentos.

Publicidade