mulher atravessa faixa de pedestre em cruzamento da rua koesa com carro estacionado de um lado e pessoas em pé na calçada do outro
PMSJ/Divulgação/CSC

A Rua Koesa, no bairro Kobrasol, São José, pode em breve ser transformada em uma “via conceito”. Prefeitura e comerciantes trabalham em um projeto de requalificação da rua, de forma a valorizar a vocação comercial e gastronômica a partir da implantação de áreas de convívio para a comunidade.

Esta é a base do projeto “Koesa – Rua Conceito”, que vem sendo desenvolvido desde agosto de 2019 por meio da parceria entre a Prefeitura de São José, AEMFLO e CDL-SJ, Sebrae/SC e a colaboração de empresários locais para revitalizar a via.

Na avaliação da prefeitura o impacto dessa ação trará inúmeros benefícios de curto, médio e longo prazo, que serão percebidos pela melhoria da competitividade nas empresas do município.

Publicidade

“Queremos estabelecer um novo conceito de rua e um modelo de projeto inspirador que despertará em outras regiões o mesmo movimento de desenvolvimento de negócios”, assinala a presidente da Aemflo e CDL-SJ, Nadir Koerich.

A partir da revitalização também se busca aumentar a atratividade e a competitividade do comércio local, deixando os espaços mais atraentes para os consumidores, elevando a circulação do público e, consequentemente, aumentando a visibilidade das empresas localizadas na Rua Koesa.

Na última semana, uma reunião foi realizada para que os envolvidos pudessem definir a identidade visual do projeto “Koesa – Rua Conceito”.  O próximo passo será discutir as possibilidades para definir as demandas de fluxo de veículos privados e do transporte coletivo na área, além do projeto elétrico que prevê cabeamento subterrâneo.

Na sequência, será definido em conjunto com os envolvidos qual o perfil será o melhor para implantar a rua conceito. A próxima reunião ficou marcada para 10 de março, às 19h, no Colégio Gardner, onde também será debatida a Rede de Vizinhos que trata da segurança no local.

Nova tentativa

Este é um projeto novo, que começou a ser feito no ano passado. Em 2014 a prefeitura de São José também havia tentado implementar um calçadão na Rua Koesa, que foi rejeitado pelos comerciantes por eliminar as vagas de estacionamento. Agora, de acordo com a prefeitura, a diferença é que o projeto é desenvolvido de forma conjunta aos comerciantes, Aemflo e Sebrae. A ideia é ter um projeto que seja bom para a coletividade e que tenha interesse público.

Quanto ao estacionamento, na região será implantado a zona azul, como ocorre em Campinas e em parte do Kobrasol.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here