Secretarias da Saúde e da Administração alteram modelo de gestão do Samu

    ambulâncias do samu estacionadas alinhadas
    Samu em Santa Catarina é alterado para evitar problemas como o da OZZ Saúde - Foto: Cristiano Estrela / Secom

    Visando o fim da gestão da empresa OZZ Saúde em Santa Catarina, envolvida em diversos problemas, o governo do estado alterou o modelo de gestão do serviço de emergência pré-hospitalar. Uma portaria conjunta entre as secretarias de Estado da Saúde e da Administração determina a descentralização das atividades de atendimento e transporte de pacientes via Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Programa Estadual de Incentivo às Organizações Sociais. Com isso, a gestão dos serviços prestados pelo Samu será feita via entidade de direito privado sem fins lucrativos, qualificada como Organização Social, modalidade de gestão semelhante já aplicada em outras sete unidades de Saúde do Estado.

    edital para inscrição de projetos para gestão via entidade social também já foi publicado e uma comissão julgadora analisará as propostas, de acordo com o governo primando pelo equilíbrio entre melhor preço e conveniência.

    Publicidade