plenário da assembleia visto de cima com bancadas circulares e pessoas sentadas em sessão
No retorno, nesta quarta-feira, além da sessão extra no período da manhã, haverá outra no horário regimental,à tarde - Foto: Miriam Zomer/Arquivo Agência Al/Divulgação

O segundo semestre do ano será influenciado pelo calendário eleitoral. Nesta quarta-feira (1/8), com o fim do recesso parlamentar, os deputados estaduais retornam às atividades legislativas e, a partir da segunda quinzena de agosto, as sessões ordinárias serão novamente suspensas, retornando na segunda semana de setembro, e sendo suspensas até o pleito, em 7 de outubro.

Desde abril está em vigor um calendário especial que prevê sessões extras às terças-feiras e quartas-feiras, alternadamente, de forma a garantir todas as reuniões plenárias previstas para 2018.

Neste último semestre da atual legislatura, os deputados terão para análise e votação 683 matérias que estão em tramitação, entre projetos de lei, medidas provisórias e mensagens de veto, mais de sete vezes a quantidade da primeira metade do ano. No primeiro semestre foram votadas 93 proposições em Plenário, entre projetos de lei ordinária (PLs) e complementar (PLCs), medidas provisórias (MPs), projetos de decreto legislativo e mensagens de veto.

Publicidade

Conforme a Coordenadoria de Expediente da Alesc, 223 proposições entraram em tramitação neste ano no primeiro semestre. Só os deputados apresentaram 195 projetos. O Poder Executivo encaminhou 14 projetos, além de quatro medidas provisórias (MPs) e 21 mensagens de veto. Poder Judiciário, Ministério Público Estadual (MPSC) e Defensoria Pública (DPE) enviaram para a Assembleia, juntas, nove projetos de lei.

Publicidade
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here