Casan esclarece projeto de captação no Rio Biguaçu

A companhia explica que água não será transportada para Florianópolis, mas aliviará o Sistema Integrado da região

Nesta semana, a Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan) anunciou o reforço no abastecimento de água da região da Grande Florianópolis a partir do aumento da captação de água do rio Biguaçu. Segundo a companhia, o projeto gerou dúvidas e mal-entendido, por isso a Casan divulgou ontem (12/11) uma nota de esclarecimento dos propósitos de investimento previstos no sistema de abastecimento de água do município.

A companhia aponta que quando o projeto estiver em operação, o município de Biguaçu, que hoje é ponta de rede no Sistema Integrado da Região Metropolitana da Grande Florianópolis (SIF), passará a ser centro de captação e de consumo de água, com abastecimento local em maior quantidade, solucionando dificuldades históricas de alguns bairros.

rio biguaçu
Maior captação no Rio Biguaçu vai diminuir demanda do município pela água captada em Palhoça – Divulgação/CSC

Biguaçu é atualmente considerada “ponta de rede” porque é a mais distante do ponto de captação e da estação de tratamento, que está localizada em Palhoça. A Casan explica que o projeto pretende mudar esse cenário geográfico para beneficiar principalmente os moradores de Biguaçu, com água suficiente para abastecer toda a população, prevendo inclusive o crescimento vegetativo do município pelos próximos 30 anos com o incremento de 900 litros/segundo.

Publicidade

A companhia ainda esclarece que a água não será transportada para Florianópolis, mas aliviará o Sistema Integrado (SIF).

Com valor estimado inicialmente entre R$ 50 milhões a R$ 70 milhões, o projeto Biguaçu está em fase final de formatação e deverá ser liberado para licenciamento ambiental e processo licitatório a partir de 2021, em alinhamento com a prefeitura municipal. Bairros de São José localizados na divisa com Biguaçu também poderão ser abastecidos por esta nova captação.

Publicidade
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here