Cinco novos pátios de compostagem serão instalados em Florianópolis

0

A prefeitura de Florianópolis avalia aumentar a capacidade de compostagem no município com cinco novos pátios espalhados pela cidade.

A partir de um edital de concorrência para definir os locais, a ideia é que a prefeitura passe a pagar por cada tonelada de resíduos orgânicos compostados. O dinheiro é o mesmo que seria utilizado para destinar o resíduo ao aterro sanitário de Biguaçu. Assim, a prefeitura estima que cada tonelada compostada na cidade, que deixa de ir ao aterro, pode ser remunerada em R$ 156.

dois funcionários da comcap uniformizados carregam balde aparentemente pesado em pátio onde há caixas d'água espalhadas
Comcap vai gerir novas unidades de compostagem em Florianópolis e ampliar os projetos existentes, totalizando sete áreas de processamento – PMF/Divulgação/CSC

Segundo a prefeitura, as regras para pagamento e o modelo de negócio serão articulados e validados com toda transparência e participação do setor público, organizações civis e microempreendedores sociais na órbita do programa municipal de agricultura urbana Cultiva Floripa.

Publicidade

Outros dois pátios já consolidados, o Pacuca no Sul da Ilha e a Revolução dos Baldinhos, no continente, também terão recursos para melhorias. Incluem o projeto os pátios institucionais da Comcap, onde já são processadas 10 toneladas/dia de resíduos orgânicos, e da Floram.

Somadas às essas áreas, a cidade terá então sete pátios de compostagem de resíduos orgânicos sólidos. Além dessas ações, recentemente a Comcap investiu para comprar caminhões exclusivos para coleta de verdes (como resíduos de podas em quintas e jardins), que poderão ser destinadas à compostagem.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here