Delegacia Virtual da Mulher está operando em Santa Catarina

    Já está disponível no site da Polícia Civil a Delegacia de Polícia Virtual da Mulher. Ao entrar no site e clicar no banner à direita da tela, todas as vítimas de violência contra a mulher – exceto crimes que resultaram em morte – podem registrar seu boletim de ocorrência e entender tudo sobre o tema.

    A iniciativa é da Polícia Civil, por meio do projeto PC Por Elas da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (Dpcami). Os registros serão homologados e encaminhados virtualmente direto para as delegacias especializadas de todo o estado, agilizando o processo e facilitando a denúncia pelas vítimas.

    Segundo a Polícia Civil, a iniciativa de aumentar os serviços online de proteção à mulher irá perdurar mesmo após a pandemia. A intenção é que as mulheres passem a fazer mais uso, pois além de facilitar as denúncias, na delegacia virtual da mulher elas podem conhecer mais sobre o tema e entender cada crime que se enquadra na área, suas penas, entre outras informações relevantes para se proteger.

    Publicidade

    Até essa quinta-feira (30) já foram registrados 16 BO na delegacia virtual.

    Queda na violência doméstica

    O número de violência doméstica em Santa Catarina ainda é alto, mas vem diminuindo nos tipos de crimes mais recorrentes, diz a PC.

    Nesse primeiro semestre do ano, de janeiro a junho, o número de violência doméstica caiu 9% em comparação com mesmo período do ano passado. O crime de estupro caiu 17%, o de ameaça caiu 11% e o de lesão corporal dolosa 15%.

    + Florianópolis tem canal para atender vítimas de violência doméstica

    Publicidade

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here