Grandes traficantes de cocaína de SC são presos pela PF

Três embarcações de pesca de Itajaí foram usadas para transporte de mais de 6 toneladas de cocaína até a costa da Namíbia, Ilha da Madeira e África do Sul

Grandes traficantes de cocaína de SC são presos pela PF
Operação Mar Aberto investigou o grupo criminoso que fez movimentações milionárias de droga usando barcos pesqueiros; diversas apreensões de bens ocorreram em Santa Catarina - PF/CSC

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (23/11) a operação Mar Aberto, com o objetivo de desarticular organização criminosa que fazia o tráfico internacional de cocaína com barcos e tripulações pesqueiras experientes em navegação no Atlântico.

Mais de 100 policiais federais cumpriram 20 mandados de busca e apreensão em Santa Catarina: Balneário Camboriú, Camboriú, Itapema, Porto Belo, Florianópolis, Itajaí, Navegantes e São José; além de Paraná e Espírito Santo. Foram cumpridos seis mandados de prisão preventiva.

Na ação, autorizada pela 1ª Vara Federal de Itajaí, também foram apreendidos veículos e imóveis de luxo e duas embarcações de pesca industrial, pertencentes ao grupo criminoso.

Publicidade

Por meio da simulação de operações de pesca, os criminosos traficavam muitas toneladas de cocaína para alto mar, de onde seriam resgatadas por embarcações estrangeiras e então levadas até países da África e Europa.

diversos maços de notas de real organizados sobre uma cama com um agente da polícia federal sentado ao lado
Grana apreendida ainda não foi divulgada; outros itens de luxo, como imóveis e carros, foram apreendidos, e seis traficantes presos – PF/CSC

As investigações tiveram início em outubro de 2020 e possibilitaram identificar uma organização criminosa que se apossou de barcos de pesca industrial para transportar grandes quantias da droga ilícita para o exterior. Em um dos episódios da investigação, a PF perseguiu em alto mar uma embarcação de tráfico, que jogou na água as bolsas com a cocaína, que pararam ao longo da costa de Bahia e Espírito Santo, onde foram sendo encontradas pela população local.

Outras apreensões no porto de Itajaí identificaram barcos pesqueiros com as cargas de cocaína. Em duas ações foram presas 14 pessoas. Segundo a PF, ao todo o grupo de traficantes conseguiu enviar ao exterior aproximadamente 6 toneladas e meia de pó.

Publicidade