Prefeitura e sindicato fazem acordo para encerrar greve

Após quatro horas de negociação, a audiência de conciliação entre a Prefeitura de Florianópolis e o Sintrasem (Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Florianópolis), intermediada mais uma vez pelo TJSC, terminou em acordo nesta sexta-feira (24/6) para encerrar a greve municipal, deflagrada há 9 dias.

Fim da greve: Prefeitura de Florianópolis e sindicato selam acordo definido pela Justiça
Fim da greve: Prefeitura de Florianópolis e sindicato selam acordo definido pela Justiça em audiência nesta sexta-feira (24/6) – TJSC/Divulgação/CSC

Os servidores optaram pelo reajuste linear de 11%, com aumento também de 11% nos auxílios alimentação e lanche, que será pago a partir de junho. O reajuste salarial será divido em três parcelas.

A primeira parcela de reajuste, de 3%, será paga referente a junho. No vencimento de dezembro serão mais 4% e, em janeiro de 2023, os 4% restantes. O pagamento dos 4% de janeiro também vai beneficiar os ACTs do magistério que porventura terminarem o contrato antes da virada de 2022 a 2023.

Publicidade

Os servidores também aceitaram o aumento de 11% nos auxílios alimentação e lanche, que será pago a partir de junho. Ficou acordado ainda uma gratificação para os auxiliares de sala no valor de R$ 300. O pagamento será de R$ 150 no mês de competência de outubro de 2022 e, os R$ 150 restantes, em janeiro de 2023.

A prefeitura e o sindicato assinaram outros compromissos. Pela decisão, o município terá que realizar até o fim de 2022 um concurso público para a área da saúde, especialmente, para médicos e técnicos de enfermagem. Por conta disso, o acordo prevê a manutenção das equipes de saúde da família integradas por servidores temporários. Também há o compromisso de criar uma comissão em 30 dias para avaliar o concurso de remoção para as novas creches, além do aumento do quadro de efetivos.

Publicidade