Reforma da escola Aderbal Ramos da Silva, parada há 3 anos, recomeça em 22 de novembro

    Gasto, agora, será de R$ 8,5 milhões adicionais

    O governo do estado anunciou que conseguiu vencer os entraves contratuais da obra de reforma da escola Aderbal Ramos da Silva e vai voltar a tocar o projeto, a partir de segunda-feira (22/11).

    De acordo com a secretaria de Educação, serão gastos, agora, R$ 8,5 milhões para a continuação da construção de mais salas de aula, de forma a passar a capacidade do colégio de 700 estudantes para 1,6 mil.

    Obra de reforma da EEB Aderbal Ramos da Silva, em Florianópolis, será retomada no dia 22 de novembro
    Obra de reforma da EEB Aderbal Ramos da Silva, em Florianópolis, será retomada no dia 22 de novembro, após mais de 3 anos de indefinição – Google/Reprodução/CSC

    A EEB Aderbal Ramos da Silva, na R. Cel. Pedro Demoro, no Estreito, em Florianópolis, foi alvo de problemas contratuais entre estado e empresa, de modo que, após demolição parcial, sua reforma, iniciada em julho de 2018, ficou paralisada por mais de 840 dias.

    Publicidade

    Em agosto, uma ordem de serviço, no valor de R$138 mil, foi assinada para serviços de reparos paliativos. Com o atraso da reforma, foram gastos mais R$ 1,7 milhão. Há mais de ano o governo do estado falava em encontrar uma solução para a escola.

    + MPF pede que Colégio de Aplicação retorne totalmente
    + Escola Lauro Müller, interditada em 2019, terá outro uso

    Agora, o secretário de estado da educação em exercício, Victor Balthazar, diz que foi um trabalho “hercúleo” para a reforma da unidade poder recomeçar e que a pasta irá fiscalizar de forma constante a execução. “Vencemos etapas burocráticas muito difíceis enquanto a reforma estava parada e agora temos as melhores perspectivas de que em breve a escola vai contar com a infraestrutura merecida”.

    Por Lucas Cervenka – reportagem@correiosc.com.br

    Publicidade