Santa Catarina tem 44,8% da população totalmente vacinada

    Ricardo Wolffenbüttel/Secom SC/Divulgação/CSC

    Santa Catarina alcança a marca de 72,72% da população vacinada com uma dose até esta quinta-feira (7/10). Com o esquema vacinal completo são 3,246 milhões de pessoas, o que corresponde a 44,76% da população catarinense totalmente vacinada.

    Ao total já foram aplicadas 8.520.116 de doses de vacina contra coronavírus em todo o estado, divididas em 5.273.737 injeções de D1 e 3.246.379 de D2.

    Inunização na Grande Florianópolis

    Na macrorregião da Grande Florianópolis a cobertura vacinal completa é de aproximadamente 49% em relação aos 22 municípios. Na região metropolitana, o cenário é de uma vacinação mais avançada em Antônio Carlos, que tem população de pouco mais de 8,7 mil, e na capital, cuja cobertura de duas doses passou de 300 mil pessoas. Por enquanto, no núcleo urbano, a cidade mais atrasada é Biguaçu, com apenas 31% da população com esquema vacinal completo.

    Antônio Carlos  71,79%
    Florianópolis  60,86%
    Santo Amaro da Imp.  59,88%
    São José  48,71%
    Palhoça  44,84%
    São Pedro de Alcântara  37,25%
    Biguaçu  31,45%
    Publicidade

    Dados do painel vacinômetro da Dive/SC

    + Florianópolis institui passaporte da vacina

    Vacinação na Grande Florianópolis

    Palhoça: Em palhoça, nesta quinta, a aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 estará disponível para pessoas com idade a partir de 18 anos; a aplicação da segunda dose (Pfizer e Coronavac)  estará disponível para quem estiver no prazo de receber os imunizantes; e a aplicação do reforço (terceira dose) estará disponível para idosos com idade a partir de 70 anos, respeitando o intervalo de no mínimo seis meses da segunda dose, e imunossuprimidos.

    São José: O município de São José mantém nesta quinta-feira (7) a aplicação da dose 2 e dose de reforço para as pessoas dentro do prazo. A aplicação da dose 1 está suspensa e aguarda a chegada de novas doses para dar continuidade à vacinação. A vacinação segue nas 12 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) com aplicação da dose 2 dos imunizantes da Coronavac/Butantan; Astrazeneca/Fiocruz e Pfizer será aplicada em quem está no prazo. Já a dose de reforço, é para os pacientes com imunossupressão com 28 dias da segunda dose, e para os idosos com 70 anos ou mais que já completaram seis (06) meses da segunda dose da vacina contra a Covid-19.

    Publicidade