Tempestade Yakecan, com ciclone, atinge SC junto com massa de ar frio

    Combinação de massa de ar frio e passagem de ciclone subtropical em SC derruba temperaturas e provoca vendaval na costa

    A Marinha do Brasil emitiu boletim na noite desta segunda-feira (16/5) alertando para a possibilidade de formação de um ciclone subtropical, em alto-mar, aproximadamente a 900 km a sudeste da costa do Rio Grande do Sul.

    O sistema foi classificado como tempestade subtropical e denominado “Yakecan”, com ventos estimados de até 88 km/h. O deslocamento previsto para o sistema é para oeste/noroeste, em direção à costa do RS e de Santa Catarina. Quando chegar à costa brasileira a formação poderá ser classificada como tempestade tropical, a partir da noite desta terça-feira (17), até à noite de quarta (18).

    formação de tempestade yakecan com ciclone na costa de RS e SC
    Formação de tempestade Yakecan com ciclone na costa de RS e SC – Inmet/Divulgação/CSC

    A expressão Yakecan significa “o som do céu” em Tupi-guarani.

    Publicidade

    Conforme a previsão, o sistema poderá provocar ventos intensos no litoral até o sul de Laguna, atingindo 110 km/h até à manhã de quinta (19), e, ao longo do litoral para cima de Laguna pode chegar a 80km/h. Com a maré deve subir e atingir ondas entre 3 e 5 metros em parte do litoral catarinense no alto-mar, o que deve significar ressaca na costa.

    Temperaturas caindo

    Além da formação do ciclone Yakecan, uma massa de ar polar passa por Santa Catarina desde segunda-feira (16), derrubando as temperaturas. Dados da Defesa Civil de SC mostram que as menores temperaturas na madrugada dessa terça ocorreram em Bom Jardim da Serra (-2,4ºC) e São Joaquim (-0,1º). O ciclone fará com que a sensação de frio aumente.

    A previsão da DCSC aponta que quarta-feira (18) será de chuva isolada em localidades do Oeste à Grande Florianópolis e chance de precipitação chuva congelada ou neve em cidades do Meio Oeste, Serra entre a madrugada e manhã. As temperaturas seguem baixas e com fortes ventos.

    Na quinta-feira (19) segue a atuação de uma massa de ar frio, de origem polar, e o afastamento do ciclone subtropical Yakecan de SC. À tarde, as máximas não passam dos 10°C na Serra, Meio Oeste, variam de 11°C a 16°C no Oeste, Planalto Norte, Alto Vale e de 16°C a 21°C nas demais regiões.

    Cidades preparam abrigos

    Algumas cidades já anunciaram operações especiais para abrigar pessoas vulneráveis nestes dias, por conta do frio abaixo de 10º e do vendaval. Em Florianópolis há um reforço nas ações de abordagem e acolhimento às pessoas em situação de rua. A Passarela da Cidadania irá ampliar o atendimento com vagas extras no abrigo e o hotel credenciado da prefeitura também abrirá vagas emergenciais. Em São José a Secretaria de Assitência Social abriu 35 vagas em abrigo emergencial no Centro Multiuso para pessoas em situação de rua. A partir de terça-feira (17), serão ofertadas 50 vagas que vão funcionar até o sábado (20) com acesso a alimentação e higiene pessoal aos usuários masculinos e femininos. O acesso das pessoas em situação de rua é permitido até as 23h no abrigo.

    Publicidade