O Serviço Geológico do Brasil (CPRM) iniciou em janeiro passado as atividades de campo para o mapeamento das áreas de risco do Estado de Santa Catarina. No total, 80 pesquisadores da CPRM estão envolvidos no projeto, que deve durar 18 meses. O trabalho resultará no diagnóstico completo do Estado, tanto na identificação...