Novamente contorno viário é adiado, agora para 2021

    Prefeita Adeliana e vereadores foram à Brasília cobrar melhorias para BR-101 e contorno viário da Grande Florianópolis

    vista aérea da obra
    Contorno, que já está seis anos atrasado, teve novo adiamento divulgado; políticos não gostaram do que ouviram - Foto: Arteris/Divulgação

    Em reunião na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) nesta quarta-feira (9/5), a prefeita Adeliana Dal Pont (PSD) e os vereadores de São José Nardi Arruda (PSD) e Michel Schlemper (MDB), representando o legislativo josefense, solicitaram uma série de melhorias para a mobilidade urbana da cidade. “Explanamos sobre as demandas necessárias para São José no Fórum Parlamentar Catarinense, a exemplo de melhorias na BR-101 e contorno viário da Grande Florianópolis, uma vez que o município está sofrendo com congestionamentos e muitos acidentes. Situação que prejudica a qualidade de vida e também a economia da cidade”, elencou o vereador Nardi Arruda.

    Na reunião no Forum Parlamentar, a prefeita Adeliana criticou o ritmo das obras, que são de responsabilidade da Autopista Litoral Sul. A previsão inicial era concluir o Contorno em 2012, sendo que esse prazo agora foi prorrogado para 2021. A prefeita lembrou que a Autopista explora o pedágio neste trecho da 101 e que a região não aguenta mais esperar. “Todas as vezes que fomos chamados, nos colocamos a disposição para ajudar. Agora nossa decepção é que achamos que iríamos discutir as novas etapas da obra e não voltar a debater questões que para nós já estavam resolvidas”, assinalou

    A prefeita solicitou ainda alterações em um túnel, no Alto Forquilhas, que precisa ser alargado para permitir o tráfego de veículos, já que hoje a estrutura permite apenas a passagem de pedestres. Adeliana quer evitar o que ocorreu em São José na duplicação da BR 101. “Em março de 2013 eu protocolei aqui na ANTT a situação de túnel localizado no meio da cidade de São José (no bairro Kobrasol), a quarta maior de Santa Catarina, que é uma passagem ridícula. Agora em 2018 estou vendo que com o Contorno será igual”, assinalou.

    Deputado Amin virou uma fera
    Publicidade

    O deputado federal Esperidião Amin (PP) reagiu ao eterno lero-lero das autoridades em relação à Via do Contorno: “Deus me iluminou quando entrei com uma ação popular, a única na minha vida, contra a ANTT, a concessionária (Artéris – holding da Autopista Litoral Sul) e o Ministério dos Transportes. A iniciativa do parlamentar foi em 2017.

    BR-101

    Em relação à BR-101, os vereadores (com os pedidos da prefeita já incluídos) apresentaram esta lista de reivindicações e pediram apoio para viabilizar:

    1)   a terceira pista da BR-101 sentido norte, desde o limite do município de São José com Palhoça até o Rio Três Henriques, em Areias;

    2)   a continuidade da marginal da BR-101, do trecho do Kobrasol até o Shopping Itaguaçu, passando sob a Via Expressa;

    3)   ampliação do viaduto Kobrasol-Roçado;

    4)   construção de elevados a partir de uma pista das marginais em todas os viadutos da rodovia;

    5)   realocação da passarela da Rua Docilício Luz (bairro São Luiz) para a Francisco Pedro Cunha (bairro Kobrasol); e

    6)   melhoria do trevo de Barreiros com instalação de um possível semáforo ou lombada eletrônica na Rua Cândido Amaro Damásio.

    Contorno Viário

    Para a Via do Contorno da Grande Florianópolis, os representantes do legislativo josefense solicitaram:
    1) melhoria da passagem da futura alça de contorno, localizada na Rua Luiz Carolino Pereira, em função da passagem contar com apenas duas vias que interligam toda a região Oeste de São José;
    2) aumento do raio das rótulas da SC-281; e
    3) retirada do aterro sob a ponte do Rio Maruim, no bairro Colônia Santana, já que o aterro funcionará como barragem para as águas da chuva, impedindo o escoamento da água e contribuindo para alagamentos em caso de elevada precipitação pluviométrica.

    Em 30 dias, uma nova reunião deverá ser realizada, a princípio na Prefeitura de São José, para que os representantes da ANTT e Arteris apresentem as respostas aos pleitos.

    bancada com os políticos sentados lado a lado em reunião
    Vereadores Nardi Arruda e Michel Schlemper, prefeita Adeliana Dal Pont e deputado Esperidião Amin (estava furioso com os sucessivos adiamentos das obras da Via do Contorno) na reunião na ANTT: pedidos renovados e Via pronta só em 2021
    Presenças

    A reunião do Fórum Parlamentar Catarinense foi conduzida pelo diretor da ANTT, Sérgio Lobo, representando o presidente da Agência. Além da prefeita e dos vereadores josefenses, participaram o senador Dário Berger; os deputados federais Esperidião Amin, Jorginho Mello e César Souza; vereador de Palhoça Nirdo Artur da Luz (Pitanta); e da concessionária Arteris, o diretor de Gestão e Desenvolvimento de Concessões, Linomar Barros Deroldo, e o gerente de Projetos, Wallace Vargas Roque.

    Agenda cheia na Capital

    Os vereadores estiveram em Brasília nesta terça e quarta-feira (8 e 9 de maio), expondo as demandas dos 19 vereadores e da população de São José.

    Na terça-feira (8/5), estiveram em reunião com o senador Dário Berger (MDB-SC), quando explanaram sobre as propostas levadas a Brasília e também em audiência com o ministro do Turismo, Vinícius Lummertz, para solicitar investimentos para construção de quatro portais de entrada e saída do município, localizados na Beira-Mar de São José, nas avenidas Presidente Kennedy, Leoberto Leal e na BR-101 (limite com o município de Palhoça).

    Ainda nesta quarta-feira, estiveram em reunião com o Secretário Nacional da Defesa Civil, do Ministério da Integração Nacional, coronel Newton Ramlow, para conhecer os trâmites para garantir recursos federais para ações de prevenção a desastres. Michel Schlemper e Nardi Arruda farão indicação conjunta ao Executivo Municipal para elaboração do plano de trabalho, primeiro passo para requerer esses recursos federais.

    Publicidade