Em SC, 140 mil pessoas ainda não voltaram para a segunda dose de vacina

    Segundo os dados divulgados pelo Ministério da Saúde na segunda-feira (2/8), 143.562 pessoas em Santa Catarina não retornaram para tomar a segunda dose de vacina contra coronavírus e, assim, completar a imunização.

    Um número que vem sofrendo aumento semanalmente, segundo a Secretaria de Estado da Saúde. “Se essas pessoas estivessem retornado para a nova aplicação, já teríamos mais de 30% da população adulta de Santa Catarina totalmente vacinada”, afirma o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro.

    Em SC, 140 mil pessoas ainda não voltaram para a segunda dose de vacina - mulher anda em frente às caixas de isopor onde estão as vacinas
    Doses continuam armazenadas à espera das pessoas que já completaram prazo para receber reforço de imunização – Ricardo Wolffenbüttel/Secom/Divulgação/CSC

    As vacinas que requerem segunda injeção para reforço de imunização são da Astrazeneca, Pfizer e Coronavac. Apenas a da Janssen é dose única. Os intervalos entre as doses são: Astrazeneca – 10 semanas; Coronavac – 28 dias; Pfizer – 12 semanas. Esses prazos são definidos tecnicamente pelo Ministério da Saúde conforme especificações dos laboratórios e devem ser seguidos para que cada vacina alcance a máxima eficiência possível.

    Publicidade

    A aplicação das doses por parte das prefeituras tem tido bom ritmo em Santa Catarina, quando há doses disponíveis. Em julho foram 5 milhões de doses aplicadas em todo o estado e, segundo a Secretaria de Saúde, somente no início de agosto foram aplicadas 250.842 doses, com uma média de mais de 50 mil doses ao dia.

    + Mortes por Covid têm redução de 36% em um mês em SC
    + Estado começa a discutir critérios para vacinação de adolescentes

    Publicidade