Cobrar o quê dessa seleção de Tite?

Cobrar o quê?
Argentina e Brasil mostraram o que é um grande clássico do futebol sul-americano. Foi um jogo que faltou qualidade e espetáculo e sobrou no número de faltas, algumas até com a conivência da arbitragem, que não tive coragem de expulsar Otamendi, que desferiu uma cotovelada na boca de Raphinha. Tirando aquele disparo de Fred no travessão e a carretilha de Vini Junior na linha de fundo, o que se viu foi uma seleção brasileira que entrou em campo com a missão de não perder para o nosso principal rival. Também, uma seleção nas mãos de Tite que não perde a mania defensiva, cobrar o que né?
Argentina x Brasil em San Juan pelas Eliminatórias da Copa Créditos: Lucas Figueiredo/CBF
Argentina x Brasil em San Juan pelas Eliminatórias da Copa
– Lucas Figueiredo/CBF
Lá como cá
Pra quem se acostumou a reclamar da arbitragem brasileira, no jogo da Argentina e Brasil deu para perceber que o problema é em todo hemisfério sul. A juizada daquele jogo participou ativamente de lances que deixaram de marcar faltas, como aquela cotovelada em Raphinha e a trombada em Vini Junior depois da carretilha. Por conta disso a Conmebol já suspendeu o árbitro uruguaio Andrés Cunha e Esteban Ostojich, que operava o VAR, ambos responsáveis pela não expulsão do zagueiro Otamendi. Lá como cá, está tudo igual.
Conquista da Copa SC
Feriado de 15 de novembro, tarde ensolarada na capital e o bom clima de otimismo do torcedor alvinegro fizeram com que mais de 6.200 torcedores apoiassem o Figueirense no Scarpelli para a conquista da Copa SC. No ano do seu centenário, o clube não poderia passar em branco dando um presente aos seus torcedores. O Figueirense não tomou conhecimento do Juventus, foi superior durante todo o jogo, chegando a chutar uma bola na trave. Com um segundo tempo emocionante, o time alvinegro marcou dois gols relâmpagos, levando mais uma taça para a sua galeria. O clube conquistou uma vaga para a Copa do Brasil 2022 e em 19 de janeiro irá decidir a Recopa catarinense contra o Avaí, na Ressacada.
Depende de si mesmo
Fazendo jus a frase: “esse Avaí faz coisas”, o time azurra está deixando os seus torcedores com os nervos à flor da pele. Se a vitória do Goiás sobre o Remo tirou o Leão do G-4, a vitória do Brusque sobre o CRB deu aquela mãozinha ao time da Ressacada, que agora depende de si mesmo para retornar à elite do futebol brasileiro. O Avaí precisa reencontrar aquele futebol que vinha empolgando a todos para enfrentar o Náutico e Sampaio Corrêa, dois clubes que estão apenas cumprindo tabela. Se o Leão não reagir urgentemente dificilmente vai alcançar a pontuação necessária.
Decisões da Conmebol
O Governo do Uruguai está feliz da vida e não é por pouco. As decisões da Copa Sul-Americana, no dia 20 entre Athletico/PR x Atlético/MG e a grande decisão da Copa Libertadores entre Flamengo e Palmeiras estão deixando o povo uruguaio empolgado. O governo do país vizinho liberou a capacidade total de público e o torcedor brasileiro irá invadir aquele pequeno país. Para a decisão da Libertadores até torcedores europeus já garantiram os seus ingressos. Já foram confirmados 60 voos fretados direto da Europa para o Uruguai. Os uruguaios projetam arrecadar uma boa grana com essas decisões da Conmebol, algo em torno de U$ 30 milhões.
Dor de cabeça
Por conta de erros de arbitragens no campeonato brasileiro, a CBF optou por demitir o ex-diretor Leonardo Gaciba. Para substituir o bom gaúcho, a diretoria da CBF chamou o ex-árbitro e que também já fazia parte da atual comissão, o mineiro Alicio Pena Junior, que não possui credibilidade para assumir o comando da nossa arbitragem. O que a CBF tem que fazer é deixar a politicagem de lado e colocar pessoas técnicas, competentes e com experiência nessa questão. Esse tal do VAR, que era pra ser uma grande ferramenta positiva, está se transformando numa baita dor de cabeça.
Bem me quer, mal me quer.
  • Às vésperas do Jogo entre o Guarani e Avaí na cidade de Campinas/SP, o catarinense e ex-jogador Zenon relembrou os bons momentos vividos nestes dois clubes e declarou: “Tenho os dois no coração”.
  • A segunda divisão do campeonato catarinense do ano que vem teremos um clássico no sul do estado. O Caravaggio F.C da cidade de Nova Veneza conquistou a sua classificação e em 2022 irá enfrentar o Criciúma.
  • O Figueirense encerrou a sua temporada conquistando pela terceira vez a Copa SC. O clube alvinegro não só levou a taça como também a sua vaga na Copa do Brasil de 2022, o que já lhe garante uma verba de R$ 560 mil em caixa. Um bom dindin pra quem está precisando.
  • Promessa feita, palavra cumprida. O prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, mandou hastear a bandeira alvinegra, no lago das bandeiras, na entrada da ilha da magia, pela conquista da Copa SC 2021. Não à toa o prefeito Gean é torcedor alvinegro.
  • No jogo entre o São Paulo e Flamengo, aonde o tricolor paulista tomou um chocolate do rubro-negro, o narrador Cléber Machado da plim-plim foi detonado nas redes sociais pela falta de emoção em sua narração. O homem parecia estar narrando um velório.
Cartão rosa/vermelho

Cartão rosa para a Rádio PH que irá entrar no ar com programação exclusiva para a cidade de Palhoça. Essa será a primeira rádio palhocense com conteúdo exclusivo em multiplataforma com ampla abrangência. A festa de lançamento será nesta sexta-feira(19), na praça de alimentação do Shopping ViaCatarina. Rádio PH, a rádio dos palhocenses.

Cartão vermelho para a falta de critérios de alguns nobres deputados que aprovaram um aumento para alunos oficiais da PM que agora irão receber R$ 16 mil mensais durante os dois anos que irão passar estudando para exercer as suas funções. Enquanto isso o povo faz das tripas o coração para poder sobreviver. É um governo gerando desigualdade social.

Pensamento do Bambi

O bom de ser solteiro é que não precisa estar apagando mensagens das redes sociais todos os dias.

Publicidade