veiculos e bens apreendidos na operacao alcatraz
Sete veículos de luxo foram apreendidos na Operação Alcatraz - Foto: PF/Divulgação

A força-tarefa do Ministério Público Federal (MPF) que analisa as investigações da Polícia Federal relativas à Operação Alcatraz ofereceu na última sexta-feira (5/7) denúncia à 1ª Vara da Justiça Federal em Florianópolis. Nessa primeira etapa foram denunciadas 18 pessoas por diversos crimes, tais como fraudes em licitações, corrupção, peculato e lavagem de dinheiro.

As três denúncias são as primeiras elaboradas com base na fase inicial da investigação e serão seguidas de outras, nos próximos dias, com o decorrer da investigação que seguirá em relação aos outros fatos apurados e às pessoas investigadas.

A força-tarefa do MPF é composta pelos procuradores da República Alisson Campos (coordenador), Carlos Humberto Prola Júnior, Douglas Fernandes, Lucas Aguilar Sette, Mário Ghannage Barbosa e Rodrigo Lima. Os procuradores pediram à Justiça Federal o levantamento do sigilo a que está submetida a ação penal.

Publicidade

A Operação Alcatraz, deflagrada no último dia 30/5 pela Polícia Federal, tem como objetivo ressarcir os cofres públicos, segundo a corporação. Algumas estimativas falam em até R$ 120 milhões desviados com todo o esquema de fraudes e superfaturamento ocorrido de 2009 a 2018 na Secretaria de Estado da Administração e de 2012 a 2015 na Epagri.

Publicidade
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here