Primeiro Restaurante Popular de Florianópolis é inaugurado

Serviço oferece alimentação balanceada de forma acessível para pessoas em vulnerabilidade

Abertura do Restaurante Popular
Abertura do Restaurante Popular - Cristiano Andujar/PMF

Visando a garantia da segurança alimentar e nutricional de quem mais precisa, a Prefeitura de Florianópolis, por meio da Secretaria de Assistência Social, abriu neste sábado (16/7) o primeiro Restaurante Popular da cidade, localizado na Avenida Mauro Ramos, 722, no Centro.

O serviço fornece três refeições diárias, todos os dias da semana, tendo como público-alvo pessoas que se encontram em situação de risco ou vulnerabilidade alimentar, em especial aquelas de pequeno orçamento familiar.

O evento de abertura do serviço começou com uma cerimônia às 10h30, com a presença de autoridades, servidores, imprensa e o público.

Publicidade

Na ocasião o prefeito de Florianópolis, Topázio Neto, destacou a importância do novo espaço. “Hoje nós damos um passo fundamental para garantir alimentação saudável e valores nutricionais adequados para a população que precisa. O equipamento é de muita qualidade, pensado para ser um espaço agradável, com fluxo bem organizado, para receber todos da melhor forma”.

Larissa Miranda Domingos, de 24 anos, foi uma das primeiras a se alimentar no restaurante. “É uma ótima opção para quando eu estiver pelo centro. Para mim é o único meio viável economicamente, porque estudo e tenho uma filha de 3 anos que também vai comer aqui”.

Todos os alimentos servidos no espaço passam por acompanhamento especializado, desde a armazenagem, preparo, até assumir forma no cardápio de cada dia. “Nós servimos dois tipos de salada, arroz, feijão, um complemento e proteína, que pode ser carne bovina, suína, ave ou peixes. Também oferecemos sobremesa e bebida”, explica a Gerente Nutricional, Fernanda Gerber.

Além da oferta de refeições, o Restaurante Popular vai promover ações para adoção de práticas e hábitos alimentares saudáveis, resgate da cultura gastronômica local, combate ao desperdício, tratamento dos resíduos orgânicos e a criação de hortas, fazendo com que os usuários do serviço tenham sua cidadania fortalecida em diferentes frentes.

“A abertura do Restaurante Popular é uma conquista que traz muita alegria. Enfrentamos diferentes desafios no processo para a implantação do serviço e hoje, ao ver as famílias chegando, todos compartilhando um almoço preparado com muito carinho, é o melhor resultado possível, a prova de que os esforços deram certo”, destaca a Secretária de Assistência Social, Maria Cláudia Goulart

Quem pode acessar o restaurante popular

O acesso ao serviço é universal, mas leva em conta critérios de renda para definir preços e prioridades.

Diferente de outros serviços semelhantes, onde pessoas com renda zero pagam uma pequena taxa para usufruir das refeições, no Restaurante Popular de Florianópolis esse público terá acesso gratuito.

Pessoas com renda de até meio salário, pagam R$ 3,00 no almoço e jantar, e R$ 1,50 no café da manhã. Para aquelas com renda maior que meio salário, o custo será de R$ 6,00 e R$ 3,00, respectivamente.

O enquadramento nos grupos prioritários será realizado via dados disponíveis no Cadastro Único. Quem possuir renda maior que meio salário não precisa estar cadastrado para ter acesso.

prefeito topázio neto inaugurou o equipamento social
Prefeito Topázio Neto inaugurou o equipamento junto com a equipe da Assistência Social – Cristiano Andujar/PMF

Funcionamento

Os horários de funcionamento do local, que atenderá a população 7 dias por semana, com três refeições diárias, ficam definidos da seguinte forma:

  • Café da manhã – das 7h às 9h – (500 unidades)
  • Almoço – das 11h às 14h – (1000 unidades)
  • Jantar – das 18 às 20h – (500 unidades)

O público que compõe a faixa de renda zero e de até meio salário terá prioridade no acesso às refeições na primeira hora de cada turno de atendimento.

Publicidade
COMPARTILHAR