Recuperação de seis pilares das pontes em Florianópolis termina em novembro

Governo revela que mais blocos de sustentação também devem ser recuperados

Há dois contratos em andamento para restauração estrutural das pontes Colombo Machado Salles e Pedro Ivo Campos, em Florianópolis, que somam um investimento de R$ 35,7 milhões.

O primeiro é a recuperação estrutural de seis blocos de concreto – três na Pedro Ivo e três na Colombo Salles. Esse trabalho, que ocorre de maneira emergencial, já está com 76,3% dos serviços concluídos, informa o governo estadual. O segundo teve início em fevereiro de 2019 e inclui serviços de manutenção geral, além de pintura e limpeza, com 57,7% já executados.

pontes vistas de baixo do lado insular com o mar abaixo em destaque em dia de sol
Governo ainda prevê recuperação de mais blocos de sustentação e novo asfalto nas pontes – Julio Cavalheiro/ Secom/Divulgação/CSC

Segundo a Secretaria de Infraestrutura o contrato para a recuperação dos seis blocos seja finalizado até o fim de novembro deste ano, em execução pela empresa Teixeira Duarte. O serviço de manutenção geral, realizado pela empresa Cejen, deve terminar em julho do ano que vem.

Publicidade

O governador, Carlos Moisés, e o secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, realizaram nessa sexta-feira (16/10) uma vistoria nas obras. Moisés lembrou que a ordem de serviço para a manutenção das pontes foi uma de suas primeiras ações após assumir o Estado. Ele criticou as gestões anteriores, que não realizaram qualquer tipo de intervenção preventiva nas duas estruturas. “Poderia haver até um fechamento das pontes se nós não fizéssemos a intervenção. Essa obra era necessária, pois estes são os nossos únicos acessos viários à ilha de Santa Catarina. Nunca houve uma intervenção do Governo do Estado nessas estruturas em toda a sua história”, disse o governador.

O secretário da Infraestrutura destacou que o Governo também planeja novas intervenções nas pontes, como a recuperação estrutural dos demais blocos de concreto. Segundo ele, o projeto executivo já está pronto, e a contratação deve ser realizada por meio de uma licitação. “Em um momento oportuno, as execuções para manutenção de forma preventiva e recuperação dos demais blocos serão realizadas”, aponta Vieira. O governador também ressaltou que está prevista uma recuperação do pavimento das pontes, melhorando o tráfego nas pistas de rolamento nos dois sentidos.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here