Florianópolis vai reabrir shoppings, academias e galerias com novos protocolos

A partir desta terça (30) reabrem as academias, shoppings e galerias

0

Após uma reação do segmento de shoppings, academias e galerias comerciais sobre a decisão do prefeito Gean Loureiro em fechar esses espaços por conta dos casos de coronavírus, a Prefeitura de Florianópolis decidiu reabrir esses estabelecimentos já nesta terça-feira (30/6). A decisão foi tomada após o prefeito atender ao longo do dia os representantes e ouvir suas demandas.

De acordo com a prefeitura serão implementados novos protocolos na tentativa de evitar mais infecções. As novas regras incluem um programa de testagem por amostragem, que será feito em parceria com o grupo “Floripa Sustentável”, no qual a prefeitura vai fornecer os testes e a entidade os profissionais de saúde.

A aplicação dos testes de coronavírus será em cronograma de acordo com o estipulado pelos representantes dos setores em conjunto com a prefeitura. Novas regras também vão passar a valer a partir desta terça, como a obrigatoriedade do uso de QRCode para clientes, triagem de sintomáticos com formulário específico e procedimentos de desinfecção mais rigorosos.

Publicidade

Na terça a prefeitura também pretende se reunir com restaurantes para definir a data de retorno. Anteriormente o prefeito havia determinado que seriam 14 dias de fechamento, mas a pressão das entidades, como a própria Floripa Sustentável, sobre Loureiro fez com que ele recuasse na decisão. O grupo Floripa Sustentável abarca os sindicatos comerciais mais fortes da capital catarinense.

Grande Florianópolis teve outras decisões

Em nota, o prefeito Gean Loureiro afirma que tomou a decisão porque “nas cidades vizinhas” as pessoas continuam frequentando os estabelecimentos:

“Estabelecimentos fechados novamente não suportam mais as contas e nem manter empregados, além de ver seus clientes indo para a cidade vizinha consumir. E, infelizmente, esse foi um efeito indesejado: as pessoas continuam frequentando bares, restaurantes, shoppings, academias, nas cidades vizinhas. Desta forma, estamos prejudicando as nossas empresas e colhendo pouco isolamento. Não faço julgamentos em relação às atitudes das cidades vizinhas, porque sei que todos os prefeitos estão lutando para achar um equilíbrio entre a saúde e a economia. Ambos são essenciais.”

Loureiro se refere às medidas menos restritivas adotadas por São José, Palhoça e Biguaçu, que não chegaram, nesse momento, a fechar de novo os locais, apenas restringir horários e acesso. Quando determinou novos fechamentos, Loureiro pediu que os prefeitos da Grande Florianópolis aceitassem sua recomendação e seguissem o decreto.

Ainda na nota, o prefeito da Capital critica o governador, Carlos Moisés: “não vi, por parte do Governo do Estado, nenhum esboço sobre a necessidade de isolamento em Florianópolis, mesmo com mais de 80% de ocupação dos leitos. E já que os leitos hospitalares são de responsabilidade do Governo do Estado, e o Estado está permitindo as liberações, quero crer que ele saiba o que está fazendo”.

A partir desta terça (30) reabrem as academias, shoppings e galerias. Neste final de semana não abrem shoppings. No outro, apenas sábado.

+ Florianópolis tem 84% dos leitos de UTI do SUS ocupados

Por Lucas Cervenka

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here