caminhoneiro morreu em ponte alta nesse feriadão de corpus christi 2019 - foto prf-sc
O condutor de um caminhão Iveco, com placas de Itajaí, morreu na

O feriadão de Corpus Christi terminou com um saldo negativo de mortes nas rodovias em Santa Catarina. Até à meia-noite desse domingo (23/6), os balanços das polícias rodoviárias federal e estadual contabilizaram 11 mortos ao total e cerca de 182 pessoas feridas.

Segundo a PRF, dentre os sete acidentes com mortos registrados nesse ano, três aconteceram na BR 101, três na BR 282 e outro na BR 470. Durante a Operação Corpuh Christi 2019, para tentar evitar acidentes, a Polícia Rodoviária Federal em Santa Catarina lavrou 2.234 autos de infração, sendo que 112 deles foram para motoristas dirigindo sob efeito de álcool e 286 para motoristas flagrados ultrapassando em local proibido. Ao total nesse ano foram 116 acidentes. 50% a mais que em 2018 (77), quando morreram três pessoas.

Na avaliação da PRF, o principal motivo para o aumento acentuado de ocorrências em relação ao mesmo feriado do ano passado se deve à greve nacional dos caminhoneiros. “O baixo movimento de veículos, em função da falta de combustíveis registrada na época, foi decisiva para a redução expressiva da violência no trânsito no feriado de Corpus Christi do ano passado”, disse a PRF em comunicado.

Publicidade

A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) de Santa Catarina também desenvolveu ações preventivas e de fiscalização nas rodovias catarinenses. O relatório parcial, até às 22h horas deste domingo, indica que foram mais 5.605 veículos fiscalizados e mais de 320 barreiras realizadas. Foram 68 acidentes com 53 feridos e 4 mortos em rodovias estaduais.

homem que andava de bicicleta em blumenau morreu atropelado - foto pmrv sc
Na sexta-feira (21), em Blumenau, um homem que andava de bicicleta morreu ao ser atingido por um GM Chevette, que se evadiu do local – Foto: PMRv-SC/Divulgação/CSC
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here