Procon constata diferença de 215% em tarifas bancárias em Santa Catarina

O Procon/SC contatou diferenças de 215% nos preços de 24 tipos diferentes de tarifas bancárias em Santa Catarina. A conclusão ocorre a partir de uma pesquisa comparativa do órgão, realizada na última semana, em seis instituições bancárias que atuam no estado. Em serviço de cartão de crédito, por exemplo, a utilização de canais de atendimento para retiradas em espécie varia de R$8,00 a R$25,00.

O estudo avalia os preços nos serviços prioritários de cadastro, conta de depósito, transferência de recursos, operação de crédito e cartão de crédito básico. A maior variação é constatada em transferência de recursos entre contas da mesma instituição de forma presencial, em que o menor preço é R$1,25 e o maior R$6,90, variação de 452%. A menor variação é de 6,22% nas transferências por DOC, disponível em dois bancos, em que o maior preço é R$11,10 e o menor R$10,45.

O Procon/SC orienta que antes de optar por pacotes do banco que cobram tarifas bancárias, é importante verificar se os serviços essenciais e gratuitos atendem as necessidades do consumidor. Além disso, ao optar por uma contratação junto ao banco, é possível negociar com o gerente. As alterações das tarifas dos serviços pesquisados podem sofrer alterações no período de seis meses após o início da vigência da tabela geral de tarifas.

Publicidade