Alesc autoriza abertura de processo contra a vice-governadora

Votação de andamento do processo de afastamento é separada para vice e para o governador

Reinehr recebeu apoio de parlamentares, mas teve processo aberto, nessa quinta (17/9) - Bruno Collaço/Agência AL/Divulgação/CSC

Com 32 votos sim, sete não e uma abstenção, a Assembleia Legislativa de Santa Catarina autorizou, na noite desta quinta-feira (17), a abertura de processo por crime de responsabilidade contra a vice-governadora do Estado, Daniela Reinehr (sem partido), em sessão extraordinária que teve início no período da tarde. A autorização consta no Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 7/2020 e pode resultar no impeachment de Daniela, caso ela seja considerada culpada pelo reajuste salarial que visou à equiparação dos vencimentos dos procuradores do Estado com os procuradores da Assembleia.

Foram 32 votos sim, 7 votos não e uma abstenção.

Como foram os votos dos deputados da Alesc contra a vice-governadora de SC – Alesc/Divulgação/CSC

Neste momento, os deputados discutem o PDL 8/2020, que trata da abertura de processo pelos mesmos crimes contra o governador do Estado, Carlos Moisés da Silva (PSL). A votação desse PDL deve ocorrer em instantes.

Publicidade

A discussão sobre o PDL teve início às 15 horas. Ao todo, 21 parlamentares utilizaram os microfones para manifestar suas posições sobre o pedido de impeachment. A votação começou por volta das 19 horas e dez minutos depois estava concluída. A vice-governadora acompanhou todo o processo pessoalmente

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here